ESTUDO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA DE UMA PLANTA DE ELETRO REFINO DE COBRE: UM ESTUDO DE CASO REALIZADO NA BAHIA

Joedes Matos Vaz, Alex Santos, Josiane Dantas Viana Barbosa, Antônio Gabriel Souza Almeida

Resumo


Diante de um mercado de competitividade global, no qual as organizações necessitam de diferenciais para manterem suas operações e gerarem lucros, a eficiência energética torna-se uma importante ferramenta para as empresas com característica de intensidade energética, podendo torná-las mais competitivas e sustentáveis. À luz disso, este trabalho abrange o estudo da eficiência elétrica em uma planta de metalurgia e refinaria de cobre, localizada no estado da Bahia, tendo como objetivo geral identificar oportunidades de eficiência energética demonstrando a respectiva viabilidade como ferramenta na tomada de decisão no processo de refinamento de cobre por eletrólise, com foco no insumo de energia elétrica. Neste sentido, foi realizado o levantamento das oportunidades de eficiência energética, as possíveis ações de eliminação das perdas e a realização de uma avaliação econômica das oportunidades identificadas. Em relação à metodologia foi realizado uma revisão teórica do tema, a pesquisa em documentos internos e a condução de entrevistas com colaboradores de diversas especialidades proficientes nos temas: operação, mecânica, elétrica e instrumentação. O resultado do estudo aponta que as principais oportunidades e ações a serem implantadas são relacionadas aos maquinários e à iluminação, e neste sentido foi aplicado uma simulação no ambiente de uma linha de processo.


Palavras-chave


eficiência energética; energia elétrica; refino de cobre

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2020vol5n51090

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Joedes Matos Vaz, Alex Santos, Josiane Dantas Viana Barbosa, Antônio Gabriel Souza Almeida

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III