USO DA TERMOGRAFIA NA DETECÇÃO DE MANIFESTAÇÕES PATOLÓGICAS EM FACHADAS: Análise em modelos de escala reduzida com foco na identificação de desplacamentos cerâmicos

Dandara Santos Santiago, Ricardo Alberto Barros Aguado, Lucas Nadler Rocha, Danielle Cristina dos Santos Lisboa, Renata Medeiros Lobo Muller, Claudemir Gomes de Santana

Resumo


A termografia infravermelha é uma das técnicas que permite uma investigação aprofundada e eficaz na detecção de patologias e que permite inferir sobre as causas, comportamentos e mapear as regiões com danos nos sistemas dos edifícios. No entanto, ainda existem dúvidas em relação a prática e a interpretação dos resultados termográficos. Com isso, este estudo teve a finalidade de avaliar a potencialidade da termografia na identificação de desplacamentos cerâmicos em fachadas e determinar critérios de avaliação e padrões de comportamento nos termogramas. A pesquisa foi dividida em duas fases, que incluíram a construção de elementos a escala reduzida com revestimento cerâmico e o ensaio laboratorial. No experimento foram utilizados dispositivos de aquecimento com lâmpadas infravermelhas, para simular a radiação solar que incide nos edifícios. Posteriormente, foram analisados os padrões de comportamento das amostras, uma vez que cada uma apresentava defeitos de preenchimento incompleto do verso da placa, falta de esmagamento dos cordões, saturação e presença de sujidade. Nos ensaios verificou-se que os defeitos com presença de vazios ou má distribuição da argamassa podem ser visualizados nos termogramas.

 


Palavras-chave


Termografia. Manifestações Patológicas; Revestimentos cerâmicos;

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2020vol5n51147

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Dandara Santos Santiago, Ricardo Alberto Barros Aguado, Lucas Nadler Rocha, Danielle Cristina dos Santos Lisboa, Renata Medeiros Lobo Muller, Claudemir Gomes de Santana

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III