APLICAÇÃO DA SIMULAÇÃO DE EVENTOS DISCRETOS E DO MAPA DO FLUXO DE VALOR: UM ESTUDO DE CASO EM UMA EMPRESA DE CALÇADOS DE PEQUENO PORTE

Thiago Silva Souza, Rafael Pinheiro Amantéa

Resumo


O objetivo deste estudo foi apontar as falhas de gestão do processo em uma indústria de calçados de pequeno porte por meio das técnicas de simulação de eventos discretos (SED) e do mapa do fluxo de valor (MFV) com vistas a eliminar o desperdício e aumentar a produtividade e, assim, aumentar as receitas da empresa. As metodologias foram baseadas em Rother e Shook (2003) para o desenvolvimento do MFV e em Chwif e Medina (2015) para a construção da modelagem e simulação de eventos discretos. As extrações das informações e dados foram realizadas por meio de câmeras de vídeo, observação direta, indireta e entrevistas informais na empresa. Posteriormente, realizou-se a montagem do estado atual do MFV, modelagem e simulação do modelo, seguido da análise de sensibilidade de três cenários e encerrando com o MFV do estado futuro. O resultado dos cenários obtidos permitiu identificar um aumento de 67,57% no volume da produção, uma redução de 51,02% no lead time e uma redução de 23,13% no custo do produto. Ainda houve a homogeneidade no tempo de disponibilidade dos colaboradores e oportunidades de investimentos na empresa por meio da redução dos gastos. Conclui-se, assim, que as técnicas aplicadas na produção auxiliam nas tomadas de decisão tanto para eventos inesperados quanto para o aprimoramento do processo produtivo.

Palavras-chave


Gestão. Indústria. Mapa fluxo de valor. Simulação eventos discretos

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2020vol5n81303

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Thiago Silva Souza, Rafael Pinheiro Amantéa

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III