AVALIAÇÃO DA ATIVIDADE POZOLÂNICA DO LODO DE PAPEL

Adriano Rodrigues da Silva, Giane Crisane Caon, Kathleen Dall Bello de Souza Risson

Resumo


A reciclagem do papel é um dos métodos que contribui para a preservação do meio ambiente, porém seu processo tem por consequência a geração de um resíduo denominado lodo de papel. Esse resíduo, dependendo de sua composição, quando lançado indevidamente em solos e aterros sanitários, poderá prejudicar o meio ambiente e a saúde dos seres vivos. Tendo em vista uma destinação ecologicamente correta para o lodo de papel e visando a busca da reutilização de materiais, este trabalho tem como objetivo verificar o índice atividade pozolânica do lodo de papel com o cimento Portland. Efetuou-se a calcinação nas temperaturas de 600 ºC, 750 ºC e 900 ºC por 2 horas. Posteriormente o resíduo foi moído e peneirado em uma malha com abertura 0,075mm (75μm). De acordo com a NBR 5752 (2014), produziu-se uma argamassa sem adição do resíduo, sendo denominada argamassa de referência e outras três com a adição de 25% de lodo de papel em substituição ao cimento Portland. Após o ensaio de resistência à compressão nas quatro argamassas, obtiveram-se os valores de índice de desempenho 79%, 55% e 44% em relação à argamassa de referência, para a adição de lodo a 600 ° C, 750 ° C e 900 ° C respectivamente. De acordo com a NBR12653 (2012), o índice de atividade pozolânica da amostra em relação à argamassa de referência tem que ser ≥75%, ou seja, o lodo de papel calcinado a 600 ºC é considerado um material pozolânico.


Palavras-chave


Lodo de papel reciclado, material pozolânico.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2018vol3n3448

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Adriano Rodrigues da Silva, Giane Crisane Caon

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III

 

Bases indexadas