ESTUDO SOBRE A ESPECTROSCOPIA NIR PARA DETECÇÃO DONÍVEL ALCOÓLICO NO SANGUE

Luis Gustavo Longo, Cláudio Luis D'Elia Machado, Fabiano Sandrini Moraes, Rafael Galli

Resumo


O consumo abusivo do álcool é considerado um problema global, e número de acidentes em que o seu consumo está envolvido aumenta a cada ano. Como consequência, testes para a avaliação do nível alcoólico no sangue são cada vez mais importantes para combater estes acidentes. Um dos métodos para a avaliação do nível de álcool no sangue é a espectroscopia no Infravermelho Próximo (Near Infrared - NIR), que se mostrou até mais eficaz que os métodos atualmente usados, como o etilômetro portátil - popularmente conhecido como "bafômetro". Isto se deve porque o etilômetro utiliza um coeficiente de partição para medir o nível de álcool no sangue, que varia de acordo com os indivíduos, podendo gerar erros na estimativa do nível de álcool no sangue. Trabalhos já realizados na área comprovam que o etilômetro NIR é capaz de medir a concentração alcoólica no sangue durante o período de eliminação mais precisamente que o bafômetro convencional. Tendo isso em vista, o presente trabalho apresenta a fundamentação teórica para a construção de um etilômetro NIR de baixo custo, dando exemplos de emissores, receptores e processadores disponíveis no mercado que poderiam ser usados para a construção do mesmo. Além disso, são abordadas técnicas para a manipulação do espectro do receptor, visando a melhoria na interpretação tanto qualitativa como quantitativa dos dados.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2019vol4n2795

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Luis Gustavo Longo

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III