ANÁLISE DE VIABILIDADE FINANCEIRA: ESTUDO DE CASO DE UM PROJETO DE FLOATING CRANE PARA O PORTO ORGANIZADO DE VILA DO CONDE-PA

Arnaldo de Santana Arnaud, Nélio Moura de Figueiredo

Resumo


A crescente demanda pelo escoamento da produção agrícola do centro-oeste brasileiro pelo “Arco Norte” tem trazido importantes desafios logísticos e, consequentemente, busca por soluções mais eficientes e de melhor capacidade de resposta. O presente estudo visa avaliar a viabilidade financeira de uma das soluções buscadas para a operação portuária de transbordo de cargas, que é uma embarcação do tipo Floating Crane, e ao mesmo tempo avaliar a eficácia da interação da análise determinística com a simulação de risco na análise de viabilidade. A análise determinística foi realizada através dos métodos tradicionais de avaliação de investimentos e para a análise de risco foi utilizado o método de Monte Carlo. O custo de capital considerado no estudo foi de 10% ao ano. A análise determinística retornou como resultados o payback no 9º ano, valor presente líquido (VPL) de R$ 35,67 milhões e taxa interna de retorno (TIR) de 18,07% ao ano. O resultado das simulações indicou um payback médio de 11 anos, VPL de R$ 27,15 milhões e TIR de 16% ao ano. A partir das distribuições de probabilidade acumuladas pode-se inferir que o investimento em tela possui baixo risco e possui viabilidade financeira. Destaca-se a boa interação entre análise determinística e de risco, proporcionando informação de melhor qualidade para a tomada de decisão.

Palavras-chave


Viabilidade; Economia; Finanças; Floating Crane; Monte Carlo

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2019vol4n6899

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Arnaldo de Santana Arnaud

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III