ANÁLISE DA VARIAÇÃO DE TEMPERATURA DE ALIMENTOS NA CADEIA DE DISTRIBUIÇÃO: UMA REVISÃO SISTEMÁTICA DA LITERATURA

Caroline Dallacorte, Francieli Dalcanton, Marcelo Fabiano Costella

Resumo


A temperatura é um fator essencial para a preservação de alimentos refrigerados, já que contribui para a garantia da qualidade microbiológica e organoléptica dos produtos, principalmente na cadeia de distribuição dos produtos, onde há grande variação de temperatura por conta de fatores externos. Assim, o objetivo deste estudo foi analisar a variação de temperatura de alimentos na cadeia de distribuição, através de uma revisão sistemática da literatura de trabalhos acadêmicos no período de 2000 a 2016. Definiram-se palavras-chave para realizar a busca, selecionando-se os trabalhos por resumo, e, depois, filtrando por artigo completo. Ao todo, 18 trabalhos foram selecionados para avaliação, dentre eles nas áreas de transporte, supermercados e outros. Identificou-se que 100% dos estudos apresentaram resultados insatisfatórias com relação ao armazenamento dos alimentos nos diferentes estabelecimentos estudados, evidenciando despreocupação com este controle e falta de fiscalização nestes locais. Os cuidados com a temperatura devem ser mais rigorosos uma vez que a falta de controle é prejudicial para a saúde do consumidor. Para isso, sugere-se um modelo de automatização de processos que garante confiabilidade de resultados.


Palavras-chave


Temperatura. Cadeia de frio. Qualidade

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254790rmmaa2018vol3n1441

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Caroline Dallacorte, Francieli Dalcanton, Marcelo Fabiano Costella

Revista Mundi Meio Ambiente e Agrárias ISSN 2525-4790

Qualis: B2 - Sociologia, B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo