A ESCOLHA DE UM CURSO TÉCNICO E AS IMPLICAÇÕES DAS E NAS RELAÇÕES DE GÊNERO

Tânia Gracieli Vega Incerti, Lindamir Salete Casagrande

Resumo


Este artigo é parte dos resultados de uma pesquisa de mestrado realizada no Programa de Pós-graduação em Tecnologia e Sociedade da Universidade Tecnológica Federal do Paraná, que em sua completude tinha por finalidade discutir as relações de gênero na educação profissional e tecnológica. Objetiva-se trazer para o debate as descrições, mensagens e direcionamentos apresentados pelas/os estudantes de dois cursos técnicos do Instituto Federal do Paraná - IFPR que, de alguma forma, se relacionam à escolha desses cursos e suas implicações das e nas relações de gênero. Como técnica de pesquisa, foram realizadas entrevistas semiestruturadas com vinte e quatro estudantes dos cursos técnicos em Mecânica e em Processos Fotográficos - Campus Curitiba. Os resultados apontam que em ambos os cursos, a maioria das respostas pertinentes à escolha do curso, está relacionada aos estereótipos de gênero.


Palavras-chave


Ciência e tecnologia; escolha; estudantes; cursos técnicos, estereótipos de gênero.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254774rmsh2020vol5n11232

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Tânia Gracieli Vega Incerti, Lindamir Salete Casagrande

Revista Mundi Sociais e Humanidades ISSN 2525-4774

Qualis: B2 - Ensino, B4 - Interdisciplinar, B4 - Psicologia