Do mito de Métis aos conceitos de Métis de "teto de vidro" e "labirinto de Cristal" Análises de Assimetria de gênero com enfoque CTS

Josiane de Souza Surmani, Cintia de Souza Batista Tortato, Sidney Reinaldo da Silva, Rogério Baptistella

Resumo


O presente artigo discute questões de gênero na ciência e tecnologia utilizando o mito de Métis. A abordagem metodológica com o enfoque em Ciência, Tecnologia e Sociedade, permite relacionar elementos da atividade científica e elementos culturais. A análise apóia-se no “mito de Métis” e a similaridade com os conceitos de “teto de vidro” e “labirinto de cristal”, mecanismos de manutenção do poder masculino. Contribuindo para a compreensão das assimetrias de gênero presentes na sociedade e na ciência.

Palavras-chave


Assimetria de Gênero; Deusa Métis; Ciência, Tecnologia e Sociedade.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254774rmsh2020vol5n11369

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2020 Josiane de Souza Surmani

Revista Mundi Sociais e Humanidades ISSN 2525-4774

Qualis: B2 - Ensino, B4 - Interdisciplinar, B4 - Psicologia