A EDUCAÇÃO CIENTÍFICA NAS PRISÕES: PRIVAÇÃO OU PROMOÇÃO DE LIBERDADE?

Ingrid Silva de Andrade, Bárbara Carine Soares Pinheiro

Resumo


O presente trabalho busca analisar em que a educação ajuda no processo de ressocialização de pessoas em situação de privação de liberdade, a partir da lente teórica da Pedagogia Histórico Crítica. No primeiro momento, foi feita uma revisão de literatura sobre ressocialização e o racismo no sistema prisional. Ressaltamos também a importância da educação formal como fator de promoção de liberdade.  Em seguida, foram selecionadas e entrevistadas pessoas que estão diretamente ligadas a esse sistema. A partir da fala dos entrevistados, foi feita uma análise, e relacionada com a teoria, para se obter os resultados esperado dos objetivos.


Palavras-chave


ressocialização; educação; sistema prisional

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254774rmsh2019vol4n1768

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Ingrid Silva de Andrade, Bárbara Carine Soares Pinheiro

Revista Mundi Sociais e Humanidades ISSN 2525-4774

Qualis: B2 - Ensino, B4 - Interdisciplinar, B4 - Psicologia

 

Bases indexadas