ANÁLISE PRODUTIVA DE DESEMPENHO POR MEIO DO CONTROLE ESTATÍSTICO DE PROCESSOS: ESTUDO DE CASO APLICADO EM UMA INDÚSTRIA POTIGUAR DE TEMPEROS

Paulo Ricardo Fernandes de Lima, Mariane Dalyston Silva

Resumo


Este estudo tem o objetivo de analisar o desempenho de uma linha produtiva de uma indústria potiguar do ramo de temperos e condimentos usando o Controle Estatístico de Processos (CEP). Para tanto, foram feitas visitas técnicas à empresa para levantamento de dados. Uma linha de produção foi escolhida e mapeada como alvo do estudo. Foram coletadas informações sobre produtividade deste processo durante dezesseis meses entre 2018 e 2019 e escolhidos alguns métodos de controle estatísticos como o Gráfico de Valores Individuais (Gráfico i) e Gráfico de Amplitudes Móveis (), além dos indicadores de Capacidade Potencial (Cp) e Capacidade Real de processos (Cpk). Para tabulação dos dados foram usados os softwares Excel, Minitab e Bizagi Modeler. Por suas características, a pesquisa classifica-se como aplicada, exploratória, quantitativa, com um estudo de caso. Os resultados apontaram que com o Gráfico i, percebeu-se que nenhum valor se posicionou fora dos limites de controle calculados. Já para o Gráfico  alguns pontos mereceram maior atenção, indicando alta variabilidade e podendo suscitar comportamento especial e de processo. Com Cp = 0,48 e Cpk = 0,43, o processo foi classificado como incapaz. Algumas causas especiais para esse comportamento foram levantadas, acompanhadas de recomendações.

Palavras-chave


Controle estatístico do processo. Capacidade. Indústria de temperos

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2021vol6n21506

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Paulo Ricardo Fernandes de Lima, Mariane Dalyston Silva

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III