METODOLOGIA PARA ANÁLISE DA CRITICIDADE SUBSIDIANDO A IMPLANTAÇÃO DA GESTÃO DO CONHECIMENTO CORPORATIVO

Marcelo Prado Sucena

Resumo


Associando-se a análise da criticidade e modelos de gestão do conhecimento (GC) propostos na literatura, objetiva-se o desenvolvimento de uma metodologia genérica que represente as qualidades de todos os modelos estudados. O uso da criticidade se dá pela dificuldade das corporações em agregarem o total de recursos necessários para a implantação na empresa como um todo, possibilitando, assim, destacar as etapas mais críticas em setores menores e, com isso, otimizar a alocação dos recursos escassos. A metodologia genérica proposta contém nove etapas obtidas por pesquisa exploratória em seis modelos de GC. Para validar e testar a metodologia concebida desenvolveu-se um estudo de caso no setor de pós-venda de uma empresa do ramo automobilístico. Para tanto identificaram-se os recursos demandados em cada uma das nove etapas da metodologia genérica, calculando-se o Índice da Criticidade (IC) de cada uma, proporcionando o ranqueamento das etapas por grau de relevância. A coleta de dados para o estudo de caso foi realizada por entrevista semiestruturada com os gestores da empresa. Após a implantação da GC em um setor menor da empresa, pelo uso da metodologia proposta, é possível identificar as ações mais críticas, viabilizando a otimização dos recursos necessários. Além disso, por aplicação em escala reduzida na empresa, o planejamento para os demais setores é subsidiado pelo conhecimento adquirido, permitindo maior domínio do processo. 


Palavras-chave


Gestão do conhecimento; Analise da criticidade; Setor automobilístico; Processos.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2021vol6n41611

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2021 Marcelo Prado Sucena

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III