SIMULAÇÃO ENERGÉTICA DE UMA EDIFICAÇÃO PÚBLICA EM TRAMANDAÍ-RS

George Lucas Bohmer Bouchahine, Flavio Vanderlei Zancanaro Júnior

Resumo


As edificações consomem uma parcela significativa da energia elétrica faturada no Brasil. Em prédios públicos, o maior consumo de energia elétrica é destinado ao uso dos sistemas de iluminação e climatização. Ações de eficiência energética aplicadas a edificações já construídas apresentam resultados satisfatórios na redução do consumo de energia elétrica. O presente trabalho tem como objetivo avaliar melhorias dos sistemas de iluminação e condicionamento de ar da Prefeitura Municipal de Tramandaí a partir da modelagem computacional no programa Energyplus, possibilitando compreender o comportamento energético da edificação em relação ao seu consumo de energia elétrica anual e propor ações de eficiência energética a partir do retrofit dos sistemas analisados. Também, a fim de demonstrar a viabilidade econômica de cada cenário, o tempo de retorno do investimento é analisado. A edificação possuí 5 pavimentos com área construída de 4.388,57 m², 165 zonas térmicas e consumo de energia elétrica de 162,65 MWh/ano. Como resultado, determinou-se a comparação entre o perfil de consumo de energia elétrica ao longo de um ano da edificação com os dados do modelo real. Em contraste o consumo real da edificação e o consumo do cenário com o retrofit do sistema de iluminação foi apresentada uma economia na ordem de 17,96% com retorno de investimento menor que um ano.

Palavras-chave


Eficiência Energética; Energyplus; Retrofit; Climatização; Iluminação

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2022vol7n11989

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 George Lucas Bohmer Bouchahine, Flavio Vanderlei Zancanaro Júnior

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III