LEVANTAMENTO DO USO DE BUSINESS INTELLIGENCE COMO FERRAMENTA DE TOMADA DE DECISÃO NOS INSTITUTOS FEDERAIS DE EDUCAÇÃO

Jefferson Steidel Santos, Denise Fukumi Tsunoda

Resumo


Este artigo objetiva analisar o uso de ferramentas de Business Intelligence (BI) nos Institutos Federais de Educação de forma a identificar os benefícios e dificuldades para implementação da ferramenta. A pesquisa caracteriza-se como um estudo exploratório do tipo survey, utilizando como instrumento para coleta de dados dois questionários enviados via e-mail, sendo um destinado aos Institutos que utilizam a ferramenta e outro aos que não utilizam. A população consistiu de 38 Institutos Federais de Educação, obtendo respostas de 24 instituições, que constituíram a amostra da pesquisa, representando 63,15% de taxa de retorno, sendo que apenas 25% das instituições utilizam a ferramenta. Para tratamento dos dados optou-se por uma abordagem predominantemente quantitativa. Com base no estudo realizado, foi possível identificar como principais benefícios: praticidade na visualização dos resultados das análises por meio de gráficos e diagramas, maior assertividade nas tomadas de decisões baseadas na análise de dados, e possibilidade de gerar relatórios e gráficos adaptados às necessidades. Foram identificadas como principais dificuldades a falta de capacitação da equipe em ferramentas de BI e a existência de dados redundantes em seus bancos de dados.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2017vol2n1282

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Jefferson Steidel Santos

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III