RELAÇÃO DE LONGO PRAZO ENTRE A RENDA MÉDIA DOMICILIAR DA POPULAÇÃO E A DEMANDA RESIDENCIAL POR ENERGIA ELÉTRICA

Anderson Garcia Silveira, Mariane Coelho Amaral, Viviane Leite Dias de Mattos

Resumo


Identificar quais variáveis influenciam a demanda por energia elétrica, além de quantificar essa influência, é um passo importante para construir um modelo capaz de realizar previsões para o setor energético nacional. Uma das maneiras mais recomendadas para modelar séries econômicas não estacionárias, sem que a série perca suas propriedades econométricas, e com a finalidade de evitar o fenômeno da regressão espúria, é através do conceito de cointegração. Para que seja possível aplicar esse conceito, é necessário que as séries estudadas possuam a mesma ordem de integração. Os testes de raiz unitária são desenvolvidos com o intuito de verificar a estacionariedade em séries temporais. Os testes de DF e ADF são aplicados para encontrar a ordem de integração de duas séries temporais relacionadas ao consumo residencial de energia elétrica no Brasil: consumo e renda domiciliar média. A aplicação dos testes indica que ambas as séries possuem a mesma ordem de integração: I(1). Com a informação da ordem de integração das séries, foi possível testar, através do procedimento de Johansen, a existência de relação de cointegração entre as variáveis. A aplicação dos testes indica que existe relação de longo prazo entre as variáveis, bem como o vetor de cointegração é capaz de quantificar essa relação. Os resultados apontam que o consumo residencial de energia elétrica é inelástico à renda média domiciliar e indica que a renda média impacta positivamente no consumo.


Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254782rmetg2019vol4n2777

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2019 Anderson Garcia Silveira

Revista Mundi Engenharia, Tecnologia e Gestão ISSN 2525-4782

Qualis: B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo, B5 - Comunicação e Informação, B5 - Engenharias III