NÍVEIS DE RUÍDO EMITIDOS POR EQUIPAMENTOS AGRÍCOLAS EM CONDIÇÃO ESTÁTICA

Ramon Guimarães Lima, Luiz Henrique Souza, Victor Lucas Fernandes

Resumo


Este estudo objetivou avaliar os níveis de ruído emitidos por um trator agrícola, em condição estática, acionando uma recolhedora trilhadora de feijão e uma trilhadora estacionária. Coletaram-se os níveis de ruído próximos ao ouvido dos trabalhadores e espaçados de 1 a 10 m do assento do trator nos lados esquerdo, direito, frontal e traseiro. Foram realizadas 5 leituras em cada ponto conforme a Norma NR-15. Caso a dispersão das leituras excedesse a 3 dB(A), outra medição era realizada até que as leituras se limitassem a essa dispersão. Foram ajustadas equações de regressão polinomial para as médias das 5 leituras nos três tratamentos. Houve bastante variação dos níveis de ruído nos lados coletados, mostrando a importância do conhecimento do equipamento manuseado. Os níveis de ruídos diminuíram com o aumento do raio de afastamento da fonte de ruído; provando existir uma área de conforto que varia conforme a máquina. O ensacador da recolhedora trilhadora e o operador da trilhadora estacionária poderiam ficar a apenas 1 hora de exposição diária sem o uso de protetor auricular. Torna-se indispensável o uso de protetores auriculares para estes operadores de máquinas agrícolas.


Palavras-chave


Exposição do operador. Ergonomia. Mecanização agrícola.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254790rmmaa2021vol6n21270

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2022 Ramon Guimarães Lima, Luiz Henrique Souza, Victor Lucas Fernandes

Revista Mundi Meio Ambiente e Agrárias ISSN 2525-4790

Qualis: B2 - Sociologia, B4 - Interdisciplinar, B5 - Geografia, B5 - Administração Pública e de Empresas, Ciências Contábeis e Turismo