INTERNAÇÕES POR CONDIÇÕES SENSÍVEIS A ATENÇÃO PRIMÁRIA DE MENORES DE CINCO ANOS E O NASCIMENTO PREMATURO: ESTUDO EM UM HOSPITAL DE REFERÊNCIA PARA ALTO RISCO, PARANÁ, 2010

Márcia Helena de Souza Freire, Michelle Thais Migoto, Bruna Brusamolin Vitti, Claudete Rosa Gerber, Maria Eduarda de Luca Alves

Resumo


Este estudo teve como objetivo categorizar as internações de crianças menores de cinco anos, em hospital de ensino na Região Sul, por condições sensíveis a atenção primária à saúde (ICSAPS) com foco no nascimento prematuro. Estudo quantitativo, transversal, utilizou duas fontes de dados secundários da instituição hospitalar, ambas referente à 2010: o Sistema de Internação Hospitalar; e a planilha de nascidos vivos do Serviço de Vigilância Epidemiológica. Os dados foram importados para o programa Microsoft Office Excel 2015. Realizou-se o linkage determinístico entre as bases de dados, possibilitando a elaboração de um banco mais completo, a partir do termo unívoco elegido, que foi o nome da mãe. Foram analisados descritivamente dados de 238 crianças menores de cinco anos internadas, e a causa prevalente foram as doenças respiratórias (67,7%), sobretudo nos menores de um ano, com destaque para a bronquiolite. Quanto às mães dos prematuros, das 242 a maioria (60,7%) apresentava idade entre 20-34 anos, 8 anos de estudo (76,9%), eram solteiras (64,0%); e relativos aos dados obstétricos: 13,6% foram gestações gemelares, realizaram 7 consultas (67,4%) e apresentaram parto cesárea (66,3%). A ausência de registro de variáveis no sistema hospitalar e erros de digitação que dificultaram a ligação das bases e limitaram este estudo. Conclui-se que as ICSAPS (doenças respiratórias) foram prevalentes em crianças menores de um ano, e somadas ao nascimento prematuro constituem-se em situações sobre as quais a APS pode refletir sua qualidade com ações de prevenção.

Palavras-chave


Avaliação em Saúde; Hospitalização; Preaturo; Enfermagem Neonatal

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.21575/25254766msb2017vol2n1139

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista Mundi Saúde e Biológicas

Revista Mundi Saúde e Biológicas ISSN 2525-4766

 

Bases indexadas